sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Pedalando por Rio Grande


.......................................................
Documentário de Wagner Passos e Frank Curiale.
Delícia.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Os sonhos segundo eu mesma




Em homenagem ao Zé Eduardo, de quem eu sinto imensas saudades, e que tem visitado o blog algumas vezes. Bjão Zé!

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Anacrônico porque contemporâneo de si mesmo



‎" Vou à minha adega
Beber o meu vinho;
Lá está um corcundinha,
Pegou minha garrafinha.
Vou à minha cozinha,
Cozinhar minha sopinha;
Lá está um corcundinha,
Quebrou minha panelinha."

Bucklicht Männlein
Des Knaben Wunderhorn

O pequeno corcunda
da poesia popular alemã.
..................................
Hannah Arendt no artigo sobre Walter Benjamin de "Homens em tempos
sombrios". Arendt batizou a primeira parte do artigo de "O corcunda",
pois segundo ela Benjamin teria sido companheiro da má sorte por toda
sua errática vida. Afortunados somos nós que o podemos ler hoje, quando
um cara à frente do seu tempo, como dizem, pode melhor ser compreendido.
Benjamin era anacrônico quando era contemporâneo de si mesmo.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Viva Angola!



O semestre letivo se aproxima do fim e meus neurônios guerreiros e sobreviventes também, por isso tenho postado pouco. Agradeço aos milhares de fãs pelos protestos web afora(hahahaha).
Cada dia mais encantada com tudo que diga respeito à Angola, hoje deixo o clipe de um artista local compartilhado no facebook pelo professor Carlos Serrano. Lindo, vale a pena.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Poeminha do contra


......................................
Conheci dois dos realizadores dessa bela animação do poema do Quintana no Cartucho desse ano. Eles são de Rio Grande, Wagner Passos e Alisson Afonso, e além de talentosos são pessoas adoráveis. Parabéns tb ao resto do grupo, claro! Belo trabalho de equipe.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

SAMPAULO


Encontrei essa pequena obra prima do SamPaulo, cartunista gaúcho falecido em 1999. A edição é de 1963, da editora Globo, e tem até um "reclame" sobre um método de aprendizado de idiomas chamado Linguaphone, elogiado pelo Erico Veríssimo e assinado pelo próprio Bertaso. O que transcrevo abaixo é uma espécie de soneto gaudério assinado pelo SamPaulo que achei mt curioso e divertido. Uma pétala de delicadeza guasca!

QUANDO A CHUVA PINGA NO MEU PAGO
E PELA ESTRADA VENHO NO MEU PINGO
ME APEIO À PROCURA DE ALGUM GRINGO
DONO DE BOLICHO, QUERO UM TRAGO!

BEBO PURA A PINGA MAS NÃO PAGO
E BOTO UMA PELEIA COM O GRINGO
SAI CARA A PINGA, MAS NEM UM PINGO
DE DINHEIRO NA GUAIACA EU TRAGO!

E ENQUANTO ELE GRITA: - "PAGA A PINGA!"
EU PEGO PELAS GUELA O POBRE GRINGO
E, DESPACITO, DESPACITO, O APAGO.

DEPOIS, NA GARUPA, LEVO A GRINGA
QUE VAI PINGANDO O PRANTO NO MEU PINGO
E EU FEDENDO À PINGA PELO PAGO...

domingo, 17 de outubro de 2010

terça-feira, 12 de outubro de 2010

O guerreiro e o jabuti




O escritor angolano Ondjaki foi contemplado recentemente com o prêmio Jabuti na categoria juvenil pelo livro AvóDezanove e o segredo do soviético. Merecidíssimo, embora eu seja suspeita para falar, já que ambos, o autor e o livro, são objetos da minha pesquisa. Não considero Avózanove juvenil, mas vá lá, o narrador é um menino que vive na Luanda ocupada pelos cubanos e soviéticos na década de 80. De um lirismo sui generis e um senso de humor delicado, recomendo sem reservas.
Aguarde para breve entrevista do autor no programa do Jô. Avisarei a data no blog.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

veludo nos olhos



diz o ditado:
a noite
todos os gatos
são pardos

o passo vadio
o olhar macio

me espera
que eu não tardo

Laurene Veras
......................
Não encontrei o nome do ilustrador, mas encontrei a imagem aqui.

Bem-vindos(?)



"Em Raimundo Benvindo Silva, os motivos que em momento algum da sua vida haviam sido de rancorosa frustração, são hoje, uns, meramente estéticos, por não lhe soar bem a vizinhança dos dois gerúndios, e os outros, por assim dizer, éticos e ontológicos, porque, segundo a sua maneira desenganada de entender, só uma ironia muito negra pretenderia fazer crer que alguém é realmente bem-vindo a este mundo, o que não contradiz a evidência de alguns se acharem bem instalados nele."
História do Cerco de Lisboa
José Saramago

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Lúcia




em tua mão destra
meu violino só
vira orquestra

Lúcia Santos

Cacau



lacuna

embrenhado
na trama
saiu de cena

no canto do ser
coube o vazio

- perdido enredo -

ficou de fato
o escasso
sorriso teu

cláudia gonçalves
........................
Poema da Cacau. A ilustração linda de morrer é de autoria de Arthur Rackham e foi postada pela Lupe no facebook, fui conferir e...é lindo demais.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Sepé quem?



‎"Como não foi casa de presidente". Essa é a mentalidade dos nossos administradores públicos, destruir o pouco que resta da memória do país pra que enfim sigamos votando nos mesmos cretinos.

Casarão histórico de São Luiz Gonzaga deve ser demolido após 95 anos
Para desagrado de pesquisadores, prefeitura de São Luiz Gonzaga autorizou demolição de sobrado
Silvana de Castro | silvana.castro@zerohora.com.br

Com 95 anos de existência e testemunha de fatos corriqueiros e curiosos de São Luiz Gonzaga, nas Missões, um casarão agoniza enquanto aguarda pela demolição. Em ruínas, o prédio deverá desaparecer nos próximos dias, o que causa desconforto entre pesquisadores.

Sem ter condições de recuperá-lo, o proprietário conseguiu autorização da prefeitura para destruir o casarão, que desde a década de 80 não é mais ocupado. Não há lei no município que garanta a preservação da estrutura. O fim do prédio toca em uma ferida da cidade, que não conservou os remanescentes da redução jesuítica-guarani que deu origem ao município.

O sobrado, que tem um porão e um primeiro piso elevado, feito de alvenaria, teve quatro donos. Foi casa de família, educandário feminino e, dizem na comunidade, até um cabaré. Também teria servido de ponto de encontro de contrabandistas, durante a II Guerra Mundial, quando se levava pneus do Brasil para a Argentina, comenta o professor e escritor Sérgio Venturini, pesquisador da história da região.

– Teria que ser decretado como patrimônio e ser recuperado. Está no sentido contrário da evolução. Em todas as cidades estão recuperando prédios antigos e nós, aqui, demolindo o que temos – opina Venturini.

Com base em levantamento que fez no prédio antes de autorizar a demolição, a prefeitura argumenta que o casarão não tem um valor histórico relevante. Além disso, conforme o secretário de Planejamento do município, Maurício Caíno, o estado de deterioração estaria colocando em risco a seguranças das pessoas que passam pelo local. O secretário estima que seria necessário R$ 1,5 milhão para a recuperação da estrutura.

– Já caiu todo o telhado, estão caindo as paredes. Como não foi casa de presidente, nem de alguém de muita expressão, fica difícil arrumar um patrocínio. A gente perdeu o tempo de restaurar. Há uns 10 anos seria o ponto ideal – diz Caíno.
ZERO HORA

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Viração




quando a tua barriga
encosta na minha
e um arrepio
lambe minha espinha
um vento morno
varre a cidade
e o teu cio no meu
vira tempestade.

Laurene Veras

sábado, 21 de agosto de 2010

Pretérito Perfeito



redondilhas

quando eu tinha cinco anos
disse a criança de sete
descobrindo a nostalgia

Guto Leite
ZERO UM
Rio de Janeiro: 7Letras, 2010.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Poesia = patuá


E falando em Guto, sexta tem testa a testa sobre poesia com o moço, vamulá?
Sexta-feira, 13 de agosto, uuuuuuuuuuuuuuh...

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Música para os ouvidos




Quem me conhece ou acompanha o blog sabe que eu sou admiradora do Guto Leite. Do Guto poeta e do Guto amigo, colega, parceiro, um mineiro cosmopolita e gente fina demais, uma pessoa doce, de inteligência rara e humor idem. Pois hj eu tenho a oportunidade de admirar e compartilhar tb o trabalho do Guto Leite músico. O Guto divulgou hj na web as primeiras demos do novo projeto musical, a banda "Brique", eu ouvi e curti muito. Mesmo. Então clica aqui e escuta! É realmente música para os ouvidos, mas como eu gostei muito quero música para os olhos tb, ô Guto, dá um tempo pro Noel e providencia o show pra nós, né?
Minha favorita por enquanto: enquanto houver tempo
:D

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Girl power!



"Dai às paixões todo o ardor que puderdes, aos prazeres mil vezes mais intensidade, aos sentidos a máxima energia e convertei o mundo em paraíso, mas tirai dele a mulher, e o mundo será um ermo melancólico, os deleites serão apenas o prelúdio do tédio.Muitas vezes, na verdade, ela desce, arrastada por nós, ao charco imundo da extrema depravação moral; muitíssimas mais, porém, nos salva a nós mesmos e, pelo afeto e entusiasmo, nos impele a quanto há de bom e generoso. Quem, ao menos uma vez, não creu na existência dos anjos revelada nos profundos vestígios dessa existência impressos num coração de mulher? E por que não seria ela na escala da criação um anel da cadeia dos entes, presa, de um lado, à humanidade pela fraqueza e pela morte e, de outro, aos espíritos puros pelo amor e pelo mistério? Por que não seria a mulher um intermédio entre o céu e a terra?"
Alexandre Herculano
Euríco, o Presbítero
Introdução
........................................
Não sou feminista, mas que é bonito lá isso é!
Iniciando a maratona de leituras para o semestre, eita nóis!
E para ilustrar, algo talvez bem diferente do que imaginava Herculano, mas que afinal é uma amazona. Criada em 1941 pela DC, é linda, é forte, é guerreira, e pra completar o sonho de toda menina, é uma princesa. A mulher que eu quero ser qdo crescer, mas só se isso incluir o jato invisível!

Auto-retrato

terça-feira, 3 de agosto de 2010

O segredo do lagarto gigante



O CLPNC(Centro Laureneano de Pesquisa Nada Científica) divulgou essa semana os resultados sobre os estudos feitos com uma amostra de DNA de Godzilla, mais conhecido como lagarto gigante enraivecido. Os cientistas concluíram que Godzilla não era ele, mas ela, e que quando trouxe destruição e medo ao nosso mundo estava sofrendo com dores lancinantes causadas por uma simples infecção urinária. Apesar de este tipo de criatura ser mt resistente à dor física estudos comprovaram que mesmo os Godzillas podem ficar extremamente aborrecidos qdo submetidos à sucessivas perebas de inverno. Suspeita-se também de que a Godzilla estivesse constipada e preocupada com a dissertação de mestrado.
O Departamento Musical de Pesquisa Antropológica do mesmo instituto também divulgou uma nota afirmando que Wander Wildner tem razão: "Eu não consigo ser alegre o tempo inteiro...".

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Mamma Angola




Praia do Bispo, em Luanda, e garota angolana. Entra aqui no blog do Ailton Cruz, tem mais fotos lindas de Angola.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

A origem do SPAM


.....................................
O texto abaixo foi descaradamente copiado e colado da Wikipédia, mas serve a seu propósito:

Existem diversas versões a respeito da origem da palavra spam. A versão mais aceita, e endossada pela RFC 2635, afirma que o termo originou-se da marca SPAM, um tipo de carne suína enlatada da Hormel Foods Corporation, e foi associado ao envio de mensagens não-solicitadas devido a um quadro do grupo de humoristas ingleses Monty Python.

O quadro foi escrito para ironizar o racionamento de comida ocorrido na Inglaterra durante e após a Segunda Guerra Mundial. SPAM foi um dos poucos alimentos excluídos desse racionamento, o que eventualmente levou as pessoas a enjoarem da marca e motivou a criação do quadro.

Esse quadro envolve um casal discutindo com uma garçonete em um restaurante a respeito da quantidade de SPAM presente nos pratos. Enquanto o casal pergunta por um prato que não contenha a carne enlatada, a garçonete repete constantemente a palavra "SPAM" para indicar a quantidade. Eventualmente, a discussão faz com que um grupo de vikings presente no restaurante comece a cantar de maneira operática "SPAM, amado SPAM, glorioso SPAM, maravilhoso SPAM!", impossibilitando qualquer conversa.

A Hormel Foods Corporation não se posicionou contra o uso do termo spam para designar o envio de mensagens eletrônicas não-solicitadas após sua popularização, mas passou a exigir que a palavra SPAM em letras maiúsculas seja reservada para designar seu produto e marca registrada [7].

Existem três versões, menos populares, a respeito da etimologia que associam o termo spam a acrônimos. A primeira afirma que SPAM significa Sending and Posting Advertisement in Mass, ou "enviar e postar publicidade em massa", a segunda que significa Shit Posing As Mail, ou "porcaria fingindo ser correspondência" e a terceira que significa Single Post to All Messageboards, ou "mensagem única para todos os fóruns de discussão."

....................................................
Como o Tico e o Teco andam mt ocupados tentando desvendar Angola eu assisti e não entendi, recorri ao google e eis aqui, senhoras e senhores, tão útil e imprescindível informação.
Da minha parte acho que simpatizo mais com a versão "Shit posing as mail".
Enjoy.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Quarto



Tenho de arrumar o quarto. Me lembro de Pessoa querendo arrumar as malas. O quarto é o de menos e não tenho malas. Tenho Pessoa e todos os sonhos do mundo. Tenho Nei Lisboa perguntando o que é que o poste tinha pra dizer. E que a vaca foi pro brejo e atolou. Tenho a mim, só a mim, que me pareço tão pouco a mim...

Véspera



Uma vez tentei fazer versos com teu nome.
Só chegavam rimas fáceis.
Vc é complexa,
é côncava e convexa.
Vc não é rasa,
foge da superfície.
É tridimensional
em inúmeras dimensões.

Palavras corriqueiras não te definem,
te mascaram.
Podia escrever uma fantasia com teu nome.
Mas daí não seria uma verdade.
Vc não é só uma,
mas várias realidades.

Teu nome,
Flora,
rima com agora.
Rima com senhora.
Rima com lá fora.
Fácil demais.

Aqui dentro,
Flora,
vc vai embora.
A rima é fácil assim.
O fato não é.
Não para mim.

Laurene Veras
....................................
Só enquanto eu respirar...

Parece familiar???





Pq vamos combinar...é feíssimo...

Bom dia e...


...e por favor não encha o saco.
Hj acordei com o king kong no humorômetro.