sábado, 5 de junho de 2010

Muffu




Cartesiano!
Sobremaneira,
te amo.

Meus olhos
não bastam
para te olhar
tanto.
....................

Nenhum comentário: