quarta-feira, 9 de junho de 2010

Fogo fato

abro parênteteses
precedentes
pernas
e te cravo os dentes
terna
sempiternamente.

****************************

luminiscências de eros

vagalumes de perfume

boitatás de fogo-fato


as misteriosas luzes

que ascendem no ato


fugazes clarões pelo quarto.

Laurene Veras

***********************************************

Nenhum comentário: